Publicidade

InfoClick Itabuna Chame no Whatsapp Sua marca aqui no verdinho bahia Saiba Mais

Homem é morto a tiros na praça da feira

Inicio Camacã 0 Atualizado em

Um homem de prenome Thiago, foi morto a tiros na praça da Central de Abastecimento (Pça da feira), por volta das 18:h00hs, desta sexta-feira. As primeiras informações apontam que o homicídio está ligado diretamente ao uso e tráfico de drogas. Após ser atingido o homem morreu momentos depois. Após ser informada a Polícia Militar, encaminhou uma viatura para o local. A vítima que estava caída ao solo apresentava perfuração de arma de fogo na cabeça, indicando que essa foi a causa principal para a morte.

A Polícia Civil também compareceu onda a vítima foi morta com o intuito de fazer reconhecimento do corpo. No local onde o crime ocorreu, ninguém fala sobre o assunto, porque a população teme dar informações sobre o assunto.

Por determinação do Comando da PM em Camacã, deslocou uma guarnição de Pau Brasil para sede às 20:30hs, objetivando em substituir a outra viatura que ficou no local até a chegada da perícia. O Departamento de Polícia Técnica de Itabuna (DPT), chegou ao local, cujo levantamento foi realizado pela perita criminal Flávia Ribeiro. A Polícia Civil investiga o crime.


Homem é morto a tiros na praça da feira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Duplo assassinato em Camacan; testemunha diz que assassino teria discutido com as vítimas dias antes


« Artigo Anterior

Leia mais notícias

Duplo assassinato em Camacan; testemunha diz que assassino teria discutido com as vítimas dias antes

Duplo assassinato em Camacan; testemunha diz que assassino teria discutido com as vítimas dias antes

Homem agride cadela com golpes de facão em Camacã

Homem agride cadela com golpes de facão em Camacã

Polícia Civil carga roubada avaliada em R$72 mil na cidade de Camacan

Polícia Civil carga roubada avaliada em R$72 mil na cidade de Camacan

Após 31 anos separadas, mãe e filha têm reencontro virtual – Camacã

Após 31 anos separadas, mãe e filha têm reencontro virtual – Camacã