Homem é preso com carteira de motorista falsa em Vitória Da Conquista

Inicio Bahia Notícias Vitória da Conquista 0 Atualizado em

Um motorista foi flagrado por uso de documento falso na manhã de ontem (18) em Vitória da Conquista, no Sudoeste baiano. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Bahia, o homem, que dirigia uma caminhonete Saveiro, foi parado em uma fiscalização na altura do km 830.

Na abordagem, os policiais solicitaram os documentos do veículo e do condutor, o que foi constatado que a carteira de motorista [CNH] apresentava indícios de falsificação. O documento tinha dados divergentes e não tinham os dispositivos de segurança como marca d’água.

Aos policiais, o motorista admitiu que adquiriu a carteira de habilitação por meio de uma autoescola. O documento foi entregue na cidade de Ribeirão Preto (SP) e disse ainda que pagou o valor de R$ 2,5 mil. Diante dos fatos, o homem foi preso e encaminhado à Polícia Federal (PF).


Homem é preso com carteira de motorista falsa em Vitória Da Conquista

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Homem é executado no bairro Califórnia em Itabuna


« Artigo Anterior

Adolescente foi barbaramente executada em Ibicuí


Próximo Artigo »

Leia mais notícias

Duplo homicídio registrado em Bandeira do Colônia

Duplo homicídio registrado em Bandeira do Colônia

Jequié: Jovem de 18 anos é preso com R$ 1 mil em cédulas falsas

Jequié: Jovem de 18 anos é preso com R$ 1 mil em cédulas falsas

Mulher é assassinada na presença dos filhos em Ibicaraí

Mulher é assassinada na presença dos filhos em Ibicaraí

Draco deflagra Operação Voo Legal no Aeroporto de Salvador

Draco deflagra Operação Voo Legal no Aeroporto de Salvador

DRFR apreende mais de mil porções de drogas em Lauro de Freitas

DRFR apreende mais de mil porções de drogas em Lauro de Freitas

Um homem foi preso na zona rural de Brumado por suspeita de ter furtado um cofrinho do irmão mais novo.

Um homem foi preso na zona rural de Brumado por suspeita de ter furtado um cofrinho do irmão mais novo.