Baixe nosso aplicativo

Disponível no Google Play
Inicio Bahia Guanambi Notícias 0 Comentários

Multidão toma as ruas de Guanambi em protesto e pede justiça após morte de mãe e filha

Multidão toma as ruas de Guanambi em protesto e pede justiça após morte de mãe e filha
Mudar o tamanho da letra:
A+
A-

Um grupo fez um protesto neste sábado (18), em Guanambi, no sudoeste da Bahia, para pedir justiça pela morte de Alcione Malheiros, de 42 anos, e da filha dela, Ana Júlia Teixeira, de 16. Mãe e filha foram encontradas mortas em um riacho da cidade. O suspeito do crime está preso.

O ato deste sábado, contou com amigos e familiares da vítima, além de demais moradores de Guanambi. O público fez uma caminhada com cartazes pedindo justiça, com a palavra luto e reforçando a importância do debate sobre o machismo.

mae e filha
O grupo ainda pediu a implantação de uma delegacia especializada de atendimento à mulher. O g1 entrou em contato com a Polícia Civil para saber se há projetos para uma delegacia especializada na cidade e aguarda retorno.

Os manifestantes lotaram as ruas de Guanambi e foram à delegacia da cidade. Na unidade policial, eles colocaram os cartazes que levavam.


https://verdinhobahia.com/?p=1438

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Criminoso de Ubatã suspeito de homicídios morre em confronto com a PM em Ubaitaba


« Artigo Anterior

Policial Militar morre após tiro acidental enquanto manuseava arma em Arataca


Próximo Artigo »

Veja Mais Notícias

Vamos instituir um auxílio financeiro para as famílias atingidas pelas chuvas, diz Rui

Vamos instituir um auxílio financeiro para as famílias atingidas pelas chuvas, diz Rui

O governador Rui Costa diz que não é possível recuperar as estradas com Apenas R$ 80 milhões

O governador Rui Costa diz que não é possível recuperar as estradas com Apenas R$ 80 milhões

Sobe para 21 nº de mortos pela chuva na BA; mais de 471 mil foram afetados e 136 cidades têm situação de emergência

Sobe para 21 nº de mortos pela chuva na BA; mais de 471 mil foram afetados e 136 cidades têm situação de emergência


botão fechar flutuante face
xbet